Festival celebra Dia da Imigração Chinesa no Brasil em parque de São Paulo

porCCDIBC

Festival celebra Dia da Imigração Chinesa no Brasil em parque de São Paulo

São Paulo, 12 ago (Xinhua) — O Festival da Imigração Chinesa no Brasil celebrou neste domingo a chegada dos imigrantes ao país latino-americano com apresentações artísticas e culturais no Parque da Aclimação, em São Paulo. O evento antecede o Dia da Imigração Chinesa no Brasil, em 15 de agosto, data no calendário oficial do país graças ao projeto sancionado este ano pelo presidente brasileiro, Michel Temer. Neste dia, diversas cerimônias oficiais estão marcadas nas principais cidades brasileiras, entre as quais Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro.

No Parque da Aclimação, o domingo foi um dia festivo para a comunidade, e contou também com autoridades chinesas e brasileiras, como a cônsul-geral da China em São Paulo, Chen Peijie, o presidente da Associação Chinesa do Brasil, Ronaldo Zhu, o deputado federal que preside a Frente Parlamentar Brasil-China, Fausto Pinato, e a primeira-dama do Estado de São Paulo, Lúcia França.

Para a cônsul-geral chinesa em São Paulo, a data lembra os mais de 200 anos da chegada dos primeiros imigrantes ao Brasil, um país acolhedor e de povo hospitaleiro. Segundo ela, o dia é de muita celebração, pois é a primeira vez que a data é comemorada nacionalmente. A primeira-dama do Estado de São Paulo aproveitou para agradecer aos chineses por terem escolhido o Brasil e se aliado ao espírito de trabalho que o Estado representa. Além disso, França agradeceu também a doação de mil cestas básicas e de 1.500 cobertores para projetos sociais do Estado, feita por meio de um cheque simbólico que recebeu das mãos da cônsul-geral e do presidente da Associação Chinesa do Brasil.

“Não tem uma coisa que aproxime mais os povos do que a cultura, que tem, de certa forma, de ser compartilhada. Além disso, que o Dia da Imigração Chinesa no Brasil sirva para aqueles chineses que vão nascer por aqui, que possam lembrar de seus avós, de seus pais”, disse Pinato, idealizador da Frente Parlamentar Brasil-China e que propôs a criação da data da Imigração Chinesa do Brasil em 15 de agosto.

O festival teve apresentações artísticas no palco central, como música e dança, caso da Dança do Dragão. No parque também havia demonstrações de recorte em papel, caligrafia chinesa e de medicina tradicional chinesa, além de língua e cultura, oferecidas por entidades estabelecidas na cidade de São Paulo, como o Instituto Confúcio.São Paulo, 12 ago (Xinhua) — O Festival da Imigração Chinesa no Brasil celebrou neste domingo a chegada dos imigrantes ao país latino-americano com apresentações artísticas e culturais no Parque da Aclimação, em São Paulo. O evento antecede o Dia da Imigração Chinesa no Brasil, em 15 de agosto, data no calendário oficial do país graças ao projeto sancionado este ano pelo presidente brasileiro, Michel Temer. Neste dia, diversas cerimônias oficiais estão marcadas nas principais cidades brasileiras, entre as quais Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro.

No Parque da Aclimação, o domingo foi um dia festivo para a comunidade, e contou também com autoridades chinesas e brasileiras, como a cônsul-geral da China em São Paulo, Chen Peijie, o presidente da Associação Chinesa do Brasil, Ronaldo Zhu, o deputado federal que preside a Frente Parlamentar Brasil-China, Fausto Pinato, e a primeira-dama do Estado de São Paulo, Lúcia França.

Para a cônsul-geral chinesa em São Paulo, a data lembra os mais de 200 anos da chegada dos primeiros imigrantes ao Brasil, um país acolhedor e de povo hospitaleiro. Segundo ela, o dia é de muita celebração, pois é a primeira vez que a data é comemorada nacionalmente. A primeira-dama do Estado de São Paulo aproveitou para agradecer aos chineses por terem escolhido o Brasil e se aliado ao espírito de trabalho que o Estado representa. Além disso, França agradeceu também a doação de mil cestas básicas e de 1.500 cobertores para projetos sociais do Estado, feita por meio de um cheque simbólico que recebeu das mãos da cônsul-geral e do presidente da Associação Chinesa do Brasil.

“Não tem uma coisa que aproxime mais os povos do que a cultura, que tem, de certa forma, de ser compartilhada. Além disso, que o Dia da Imigração Chinesa no Brasil sirva para aqueles chineses que vão nascer por aqui, que possam lembrar de seus avós, de seus pais”, disse Pinato, idealizador da Frente Parlamentar Brasil-China e que propôs a criação da data da Imigração Chinesa do Brasil em 15 de agosto.

O festival teve apresentações artísticas no palco central, como música e dança, caso da Dança do Dragão. No parque também havia demonstrações de recorte em papel, caligrafia chinesa e de medicina tradicional chinesa, além de língua e cultura, oferecidas por entidades estabelecidas na cidade de São Paulo, como o Instituto Confúcio.

Sobre o Autor

CCDIBC administrator

Deixe uma resposta