A Delegação dos Representes do povo da Província de Jiangsu visita Foz do Iguaçu

porCCDIBC

A Delegação dos Representes do povo da Província de Jiangsu visita Foz do Iguaçu

Recentemente, o Congresso Popular da Província de Jiangsu (Comité Permanente da Educação Ciência, Cultura e Saúde (adiante designado por Comité do Congresso Nacional do Povo de Jiangsu) liderada pelo director Sr. Xu Hongxiang fez uma visita à cidade de Foz do Iguaçu. Hu Zhongwei, presidente da Câmara de Comércio Internacional já tinha levado uma delegação brasileira para visitar Jiangsu anteriormente, por isso a visita da delegação chinesa ao Brasil trata-se de uma retribuição à visita da delegação do Brasil à China. Os membros da visita da delegação são: o Gabinete do Diretor Adjunto do Congresso Nacional do Povo de Jiangsu Ciência e visão Comitê de Educação Cao Wen, e consultor da comissão, Wu Jiankun, Yan Xiang, Deng Bin e Yu Wei.

O presidente da Câmara dos vereadores da cidade do Foz do Iguaçu Zé Carlos, o prefeito da cidade, Clovis Perez de Souza e funcionários municipais receberam a delegação da China, enquanto Câmara de Comércio de Desenvolviemnto Internacional agradeceu por esta viagem feita pela delegação ao Brasil.

Diretor Xu Hongxiang e delegação, acompanhada pelo Presidente e pelo prefeito da cidade para visitar a Câmara Municipal, para entender a história do desenvolvimento da cidade a partir da exposição da Câmara Municipal de objetos e imagens. A delegação também visitou uma das maiores hidrelétrica do mundo, a Itaipu, ao visitar cataratas do Iguaçu, um dos dez melhores pontos de interesse turístico do mundo, conhecida como uma das sete novas maravilhas do mundo, O senhor Xu Hongxiang viu o grande número de turistas que que visitam a catarata, e ficou muito comovente e diz que a China pode estabelecer uma loja duty-free na área, não só enriquecer as experiências de viagem, mas também para mostrar a China ao mundo, ele acredita que a China tem a força de vontade e não vai faltar empresários visionários entusiasmados para participar da construção da loja de duty-free que representará a China ao mundo.

A delegação também se reuniu com o presidente e com o prefeito para discurtir a possibilidade de cooperação e intercâmbio no âmbito esportivo. O prefeito diz que os jovens jogadores de futebol da China podem realizar um treinamento no centro de treinamento do clube de futebol Brasileiro Flamingo. Os dois lados ainda discutiram sobre a possibilidade de investimento chinês na cidade. Xu Hongxiang agradeceu a hospitalidade da cidade, e convidou a todos para visitar a China novamente. Após a visita, os dois lados trocaram presentes e posaram para fotos.

Enquanto isso, o presidente da Câmara dos Vereadores da Cidade do Foz do Iguaçu entregou presentes ao presidente da Câmara de Comércio para o Desenvolvimento Internacional Brasil-China, Sr. Hu Zhongwei, e a presidente do Conselho de Promoção do Comércio Internacional Chinês do Paraguai Sra. Jiang Juying. As duas Câmaras de Comércio fizeram um tremendo trabalho que contribuiu para aproximar a delegação e a cidade do Foz do Iguaçu.

Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional lidera o grupo de empresários para participar do Fórum de Desenvolvimento dos BRICs

o presidente Câmara de Comérciode Desenvolvimento Internacional Brasil-China Fabio Hu foi com uma delegação de empresários chineses para participar o fórum de Desenvolvimento dos BRICs em Fortaleza. Antes do fórum, ele aceitou uma entrevista excluvia por escrito com o editor-adjunto, Sr. Qiao Lei do Jornal US Qiao Bao, sediado nos Estados Unidos. O Sr. Hu demonstrou um alto grau de expectativas na visita do presidente Xi Jinping ao Brasil e a reunião da cúpula do BRICs. A delegação participou da cerimônia de abertura da cúpula, e ouviu discursos durante a cúpula e os membros da delegação posaram para fotos no local da Assembléia.

Cinco chefes de estado estavam na cúpula dos BRICs, o presidente Hu foi o único representante dos chineses no Brasil. O Sr. Hu opinou que por ocasião do quadragésimo aniversário do estabelecimento de relações diplomáticas entre a China e o Brasil, a visita do presidente da China Xi Jinping ao Brasil pode elevar as relações entre o Brasil e a China a um novo estágio, será uma grande promoção das relações da China com toda América Latina no intuito de ampliar ainda mais uma forte cooperação e desenvolvimento para a economia global e desenvolvimento sustentável, contribuindo de forma significativa para a paz mundial.

Ele também diz que, após o fim das atividades locais, a delegação também irá participar de atividades em Brasília, e desejou um grande sucesso, a visita do presidente Xi Jinping ao Brasil. Participaram do fórum também vice-presidente executivo dos principais líderes da Câmara de Comércio YeKangmiao, Huang HuangHaicheng Presidente Honorário Permanente, irmão mais velho do ex-presidente Lula, Yang Yuelong, o representante do escritório da Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China em TianJing, Yang Yuelong, vice-presidentes da Câmara WeiLijun e ZhuanChenxu.

Delegação de Assuntos de Imigrantes Chineses no Mundo em Shanghai visitou a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China (8)
Na manhã do dia 28 de junho de 2014, a delegação de Assuntos de Imigrantes Chineses no Mundo em Shanghai liderado pelo vice-diretor Liu Jianping visitou a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China, a delegação foi muito bem recebida pelo presidente da Câmara, Sr. Hu Zhongwei, e em seguida, os dois lados realizaram um simpósio na sede da Câmara.

Liu Jianping, vice-diretor do Assuntos de Imigrantes Chineses no Mundo em Shanghai explicou o propósito da visita, elefez uma breve introdução do desenvolvimento econômico e comercial da cidade de Shangai, e quer que a visita serva como um meio para fortalecer os laços entre a cidade de Shangai e a comunidade chinesa no Brasil, fortalecendo ainda mais a cooperação econômica e comercial entre os dois países.

Fabio Hu apresentou o trabalho realizado na promoção das relações econômicas e comerciais entre a China e o Brasil. O senhor Fábio Hu diz que a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China organizou um grupo de empresários brasileiros para visitar a China no ano passado, e abriu um escritório de representação em Xangai, o intercâmbio ea cooperação entre os dois países empresários desempenham um papel importante na econômia mundial. Em meados de julho de 2014, o presidente da China Xi Jinping fará uma visita ao Brasil, a Câmara de Comércio Brasil está organizando uma centena de empresários para participar do Fórum BRICs, haverá mais cooperação entre os dois países e mais projetos a serem implementados.
Estavam presentes no simpósio, o Presidente Honorário da Câmara de Comércio, irmão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, presidente de honra permanente da Câmara de Comércio, ex-presidente da Associação Chinesa Huang Haicheng, Câmara de Comércio vice-presidente executivo e secretário-geral Frank Sun, Li Junhui etc.
Após a reunião, o chefe da delegação, Sr. Liu Jianping entregou presentes ao presidente da Câmara Hu , e o presidente honorário da Câmara de Comércio, o irmão mais velho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e posaram para fotos.
A equipe de TV da cidade de Shanghai também esteve junto com a delegação, e fez uma entrevista ao irmão mais velho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Após as atividades de visitas, a Câmara de Comércio convidou a delegação para o almoço de trabalho, e durante o almoço, eles assistiram o jogo da Copa do Mundo entre as seleções do Brasil e do Chile no edifício italiano e os membros da delegação apreciou o almoço brasileiro com um toque de comida italiana.

Câmara de Comércio assina o tratado de Cooperação para o desenvolvimento de pesca internacional com a província de Fujian (10)

No dia 28 de maio de 2014, após participar da inauguração do escritório de representação na província de Fujian, a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China assinou um tratado de cooperação para desenvolver a pesca internacional com a associação da pesca oceânica da província de Fujian, hoje o presidente da Câmara é o representante do Ministério da Pesca do Brasil e participa das negociações entre os dois países no âmbito de pesca internacional.]
A província de Fujian vem se esforçando para atingir a meta nacional de pesca em alto mar. Por isso, a chegada do presidente Fabio Hu despertou o grante interesse dos dirigentes da Associação da Pesca Oceânica da Província. Participaram da cerimônia os vários Presidente Honorários,: Fangshun Qin, vice-diretor do Departamento de Pesca Marinha da província de Fujian, Presidente da Associação de Pesca Oceânica da Província de Fujian: Ze Luan, Lianjiang, Zhang Li, Secretário-Geral da Pesca Oceânica: Wu Linzhu; Secretário-geral adjunto: Ou Libin, Director: Li Miaomiao.

Durante a reunião, o diretor do Departamento de Pesca Marinha de Fujian Wu Nanxiang acompanhou de perto as negociações entre a Câmara e o Departamento de Pesca Oceânica.

A fim de melhor promover o desenvolvimento dos recursos marinhos no Brasil, acelerar a promoção de intercâmbios amistosos com a província de Fujian com a ajuda da Copa do Mundo, Fórum BRICs, pré-Jogos Olímpicos estão atuando como uma grande oportunidade para ampliar a cooperação. A associação de Pesca Oceânica e a Câmara de Comércio assinaram um tratado ” Um acordo de cooperação internacional para o desenvolvimento estratégico da pesca marítima da Associação de Pesca Oceânica da Província de Fujian e a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China .” Entre eles, a Câmara de Comércio de Desenvolvimento apresentou ao Ministério da Pesca do Brasil 300 a 500 autorizações para permitir os barcos chineses a pescarem no território brasileiro, a China quer investir US $ 2 bilhões no Brasil, divididos entre 3 a 5 anos para concluir instalações de apoio às pescas no norte do Brasil, bases da pesca sul, centro e criação de centro de armazenamento e transporte dos pescados, no intuito de promover o emprego e desenvolvimento econômico no Brasil.

Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China escrever um novo capítulo para atrair mais recursos e investimentos internacionais para o Paraguai
Após a posse do presidente do Paraguai, a Câmara de Comércio de desenvolvimento do Internacional, liderado pelo então presidente Hu Zhongwei abriu um novo capítulo no quesito de atrair mais recusos e investimentos internacionais para o Paraguai.
O investidor brasileiro de ascendência chinesa, Sr. Claudio Chen comprou no Paraguai um total de 400 mil hectares de terreno para a construção das fábricas, a corrente de investimento possui a primeira fase de US $ 60 milhões na construção de uma fábrica num terrono de 30.000 hectares, para a produção de brinquedos e outros produtos , durante o dia da inauguração no 9 de maio , o presidente da Câmara de Comércio Fabio Hu visitou o lugar que será erguida a futura fábrica e participou das comemorações junto com as autoridades locais.

Participaram das celebrações, os vice-presidentes executivos da Câmara Ye Kang Miao, Ye Kangxiong, advogado Dr.Ivelson, altos funcionários e governadores dos governos do sul do Brasil, o chefe de polícia central Paraguaio, juízes, presidente do Paraguai Horácio, o ministro de negócioparaguaio , prefeito da Ciudaddel Este, e um total de cem pessoas compareceram à cerimônia de inauguração. Sr. Fabio Hu contribuir mais mais uma vez para a prosperação e o desenvolvimento do Paraguai.

Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China participa da festa organizada pela Associação Internacional da Polícia no Brasil (IPA)

A convite da Associação Internacional de Polícia no Brasil, o presidente da Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China, Sr. Fabio Hu e os dirigentes da Câmara compareceram no dia 23 de abril em Brasília para comemorar o 51 aniversário da Associação Internacional de Polícia no Brasil.

A celebração da noite foi realizada no salão do espaço da corte, entre os presentes, estavam os representantes dos departamentos de policiais federais, líderes políticos do Brasil, presidente da Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China, e o vice-presidente da Câmara chefiada pela Sra. Liu Pei.

Durante a celebração, a Associação Internacional de Polícia entregou medalhas comemorativas aos líderes presentes na comemoração para demonstrar o agradecimento do seus contínuos apoios à Associação Internacional de Polícia. Durante a cerimõnia de comemoração, os dirigentes da Câmara de Comércio tiveram reunidos com os empresários brasileiros e dos outros países da América do Sul no intuito de atrair investimentos chineses para o Brasil e para a América Latina.

A delegação de Xiamen assina um acordo com a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China
No dia 22 de abril, A delegação da cidade de Xiamen visitou a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China, o vice-presidente da Câmara Li Junhui recebeu calorosamente os membros da delegação. Os dois lados fizeram uma breve reunião, o distrito Jimei, da cidade de Xiamen e o escritório dos Assuntos de Imigrantes Chineses no Mundo de Xiamenassinaram um acordo de cooperação com a escola bilíngui Dexin com sede baseada no Brasil.

ao meio-diado 22 de abril , a delegação de Xiamen chefiado pelo vice-diretor HeQingqiu chegou à Câmara de Comércio. Sob os auspícios do Secretário-Geral da Câmara de Comércio, Frank Shizheng, os dois lados realizaram uma breve reunião de apresentação.

Primeiro Vice-Presidente da Câmara de Comércio, o senhor Li Junhui fez uma breve apresentação sobre os objectivos e trabalhos da Câmara de Comércio, ele ressaltou que a Câmara de Comércio possui ex-presidente brasileiro Lula como como presidente honorário, além disso, a Câmara tem um grande número de políticos e empresários brasileiros como um consultores e diretores, promovendo assim os intercâmbios econômicos e comerciais bilaterais e contatos para ajudar os empresários de ambos os países a trabalhar juntos para alcançar benefícios e objetivos mútuos.

Li Junhui informouà delegação a situação econômica atual do Brasil, ele ressaltou que a China é um país que possui uma forte recursos técnicos e de capitais, o Brasil é um país grande em termos territoriais e possui riquezas e recursos naturais exuberantes, há uma forte complementaridade entre os dois países, o espaço para o futura cooperação e desenvolvimento ainda são amplos.

Li Junhui também diz que, devido ao presidente Hu Zhongwei que estar em Brasília para trabalhar em colaboração com os departamentos do governo federal, não recebeu pessoalmente delegação de Xiamen, indicou ele para assinar um acordo de cooperação com a delegação, ele espera continuar a reforçar as relações de amizade e cooperação bilateral no futuro.

O chefe da delegação, A Qinqiu apresentou brevemente a situação atual da cidade de Xiamen, ele diz que Xiamen é um dos primeiros quatro zonas econômicas especiais da China. Desde a Reforma e a abertura China, há 30 anos atrás, a cidade de Xiamen cresce mais de 17% anualmente, o que levou uma tremenda transformação da cidade. O PIB da cidade de Xiamenultrapassou 300 bilhões de yuans no ano passado, a receita chegou a 84 bilhões de yuans. Xiamen está situada próxima a Taiwan, e possui um excelente porto livre de gelo natural e é um ponto estratégico de transporte terrestre e aéreo, a boa localização de Xiamen atrai um grande número de empresas de Taiwan e do exterior. Centenas das 500 maiores empresas investiram em Xiamen. Xiamen tem clima agradável, belas paisagens, é uma estância turística, Heqing Qiu, vice-diretor dos empresários chineses deu boas-vindas aos brasileiros e chineses no exterior para investir em Xiamen, ou mesmo fazer turismo.

Primeiro Vice-Presidente da Câmara Li Junhui,em nome da Câmara de Comércio Internacional e Desenvolvimento, assinou com Distrito Jimei da cidade de Xiamen, um acordo de cooperação. WeiWangu, em nome da Associação Geral de Mingnan assinou um acordo de cooperação entre a associção, a escola bilíngui Dexin no Brasil e a cidade de Xiamen um acordo para organizar acampamento de verão na cidade de Xiamen para os descendentes chineses.

Posteriormente, os dois lados trocaram presentes e posaram para fotos. Após a visita, a delegaçãttambém visitou a Loja que vende pedras semi-preciosas do Sr. Li Junhui, ao meio-dia, o senhor Li Junhui a delegação de Xiamen para um restaurante para saborear a comida brasileira por quilo.

Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China assina um acordo amigável com a delegação da província de Anhui (15)

No dia 14 de fevereiro, a delegação da província de Anhui, chegou a São Paulo para uma visita oficial, os membros da delegação reuniram com os dirigentes da Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China, os dois lados assinaram um acordo de amizade.

A delegação da província de Anhui, liderada pelo vice diretor dos Assuntos de Imigrantes Chineses no Exterior Ren Huangying, visitou a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China, e foi recebida pelo presidente da Câmara, o Sr. Hu Zhongwei, e o secretário Frank Sun, a delegação agradeceu a hospitalidade concedida pela Câmara e, em seguida, os dois lados realizaram uma breve reunião de trabalho.

Fabio Hu , presidente da Câmara, apresentou à delegação o desenvolvimento econômico e social do Brasil, e apresentou também a situação atual dos imigrantes chineses que e vivem no Brasil, ele ressaltou a importancia da Câmara em promover relações econômicas e comerciais internacionais entre a China e o Brasil, especialmente na realização de Empresários Brasileiros o papel desempenhado pela cooperação. Hu Zhongwei diz que o presidente do acompanha a situação econômica e social brasileiro de perto, a Câmara possui estreita relação com todos os níveis políticos e conhece bem as medidas para atrair investidores estrangeiros ao Brasil, e a Câmara tem sido bem sucedida para atrair um número significativo de empresários Brasileiros para construir uma plataforma para a cooperação econômica com a China.

A chefe da delegação, Huang Ying, também fez um discurso apresentando o atual desenvolvimento econômico e comercial na província de Anhui. Ela esperava que a visita ao Brasil pode estreitar laços com os compatriotas chineses no exterior, e vigorosamente ajudar a promover e divulgar a província de Anhui, que está disposto a promover no Brasil o intercâmbio ea cooperação na área da cultura económica, comercial.

Após a reunião, a chefe da delegação, Huang Ying e Hu Zhongwei, da Câmara de assinaram um acordo de amizade.
Participaram da assinatura do Acordo, o presidente honorário da Câmara de Comércio Internacional para o Desenvolvimento Genival Ignácio da Silva (irmão do ex-presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva), juiz estadual do Estado de São Paulo, Sr. Pedro Luiz Guirre Menin, empresários famosos como Fauzi Hamuche, um dos advogados do grupo de advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Everaldo Pires, secretário-geral da Câmara Frank Sun, e entre outros dirigentes.

Os membros da delegação são: Ningbo, Zhao Ming, ChenDaofang, ShiXuelong, sendo que três deles são dirigentes importantes do gabinete dos assuntos dos Imigrantes no Exterior da província de Anhui.
À noite, Câmara de Comércio de São Paulo convidou a delegação para um jantar de confraternização na churrascaria Novilho de Prata, durante o qual Huang Ying, a chefe da delegação, entregou um presente ao presidente da Câmara.

Câmara de Comércio de desenvolvimento Internacional Brasil-China na promoção dos investimentos

Na manhã do dia 3 de junho de 2014, a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China, a principal organizadora promoveu no distrito de Hongqiao, cidade de Tianjin, um evento que visa atrair investimentos entitulado” Câmara de Comércio de desenvolvimento Internacional Brasil-China na promoção dos investimentos”. O evento foi realizado no edifício verde em Tianjin, que é a cidade na qual a indústria e energia sustentável servem como base de inovação e crescimento. Presidente da Câmara de Comércio, Sr. Hu Zhongwei, o representante da China, o senhor Yang Yuelong, e ochefe da Associação Econômica e Comércio Exterior, ,Sun Jinhai, os dirigentes da Comissão da Ciência e Tecnologia do distrito de Hongqiaoem Tianjin e os líderes empresariais, e quase todos os representantes dos 30 empresários ao redor participaram da reunião. O evento foca nos esforços para promover o comércio regional e desenvolvimento econômico, a fim de promover as empresasda área do distrito de Hongqiaoem Tianjin no sentido de aumentar a cooperaçãoeconômica da região com o Brasil no intuito de aumentar os fluxos comerciais com a América do Sul.

Durarnte o encontro, Sr. Hu Zhongwei e o presidente e diretor Yang Yuelongderam palestras sobre a apresentação da Câmara no âmbito de promover o processo de desenvolvimento econômico e social entres a China e o Brasil e os principais resultados obtidos em vários campos desde o estabelecimento, com foco na Câmara de Comércio de construção de recursos de informação que atua como uma espécie de plataforma na promoção das relações bilaterais entre a China e o Brasil, além de cooperação em investimento, em negociações comerciais, as negociações do projeto do empreendimento, intercâmbios estudantis, culturais e o turismo entre os dois países. O presidente da Associação de Promoção da Economia e Comércio Exterior da cidade de Tianjin, senhor Sun Jinhai, ressaltou que irá fornecer uma gama completa de serviços de apoio, e cooperação para a Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China.

Durante o evento, o presidnete da Câmara, Sr. Hu Zhongweifez uma breve apresentação sobre as principais áreas de cooperação entre os dois países e a situação atual da oferta e da procura no Brasil, e também respondeu as perguntas dos representantes daseempresas participantes sobre questões de interesse para ambos países, e discutiram com profundidade os tópicos como estabelecer um modelo de negócios estável, o mecanismo de cooperação de longo entre os dois países.

A empresa chinesa “Heng Li Mei” que oferece habitação integrada vai entrar no Brasil e no Paraguai (14)

Na manhã do dia 21 de Fevereiro “, Heng Li Mei ” Chuzhou sala verde base de produção integrada na América do Sul Câmara de Comércio Consultor Comunidade Mr. Zhang Zheng, Baxi Ba Câmara de Presidente de Honra do Desenvolvimento Internacional (em nome do presidente Hu Zhongwei), Iguassu Cidade Mr. Ren Suguo gabinete de ligação do governo em Xiamen calendário nome de suas respectivas organizações e “Hengli EUA” Housing Chuzhou Integrado bases de produção: empresa verde Bernese materiais de construção assinado um novo acordo de distribuição. Olympics Brasil vai pedir 10 milhões de unidades antes de pedir Paraguai 20.000 unidades.

Câmara de Comércio para o Desenvolvimento Internacional encomendado pelo governo brasileiro para realizar uma pesquisa para o país sul-americano de residência para as pessoas, “Sala de civis” na China, depois de comparar mais de dois anos de estudo e de inúmeros fabricantes, otimizado para as necessidades do “Hengli US” integração da marca brasileira habitação (sala de actividades) está atualmente trabalhando para melhorar uma variedade de testes, a sala de modelo em breve será enviado para o Brasil, congratulou-se com o governo e empresas brasileiras de construção civil com a Câmara de Comércio de Agências de Desenvolvimento Internacional.

“Hengli America” favo de mel integrado quarto placa da parede como o principal material de construção, tomar estrutura leve de aço, o isolamento térmico, à prova de fogo, impermeável, leve, de alta resistência, corrosão corrosão, vento e, custo-benefício, a bela aparência sísmica, duráveis, de qualidade diversas, unidades flexíveis, logística e características de desempenho convenientes com excelente desempenho. Quer se trate de projectos de contratos públicos ou de demanda do mercado imobiliário no Brasil, Paraguai e outros países sul-americanos têm perspectivas de aplicação ampla.

“Hengli America” Integrated Habitação tem uma forte capacidade de produção, design e construção. A empresa tem oito patentes nacionais, de acordo com a autoridade do Estado Chaxinbaogao tecnologia de exibição, a tecnologia mais importantes do mundo. A empresa comprometeu-se um governo de grande escala projeta Anju na África do Sul, Filipinas e outros países de experiência bem sucedida. Empresa em Xiamen, Zhejiang, Anhui tem uma base de produção. Linhas modernas de produção e um total de mais de dez milhões de metros quadrados de instalações industriais padrão, com a produção anual de cerca de dez milhões de metros quadrados de gesso e outros materiais de apoio, recursos abrangentes. Todos os materiais de grau de mais do que 95%, a velocidade média de uma casa, durante três dias, pré-integrados para garantir o progresso da construção. Ao mesmo tempo, a normalização da produção, mas também para garantir a qualidade da instalação modular para cada conjunto da casa. O formaldeído é zero, limites de radionuclídeos apenas décimo padrão, todos os materiais de construção verde integrados estão estritamente de acordo com a seleção de requisitos regulatórios. Certifique-se de uma vida saudável, segura e confortável. Use torneira da cozinha, usando novos produtos patenteados, a taxa de poupança de água pode chegar a 63%. Vento 12, pode suportar a alta tufão força, a vida de projeto de mais de 30 anos, sísmicos 8 graus. Além disso, a empresa também introduziu menu de serviço, diferentes níveis, com base nas necessidades do cliente, design e estilo em uma variedade de unidades. Nós preparamos uma variedade de materiais e equipamentos para os clientes a liberdade individual de escolha. Tais como: sistemas de energia solar, sistemas solares de água quente, para os sistemas de temperatura e umidade originais. O baixo teor de carbono, verde, proteção ambiental, economia de energia, idéias de economia de água, tecnologias, integração de produtos. Dedicação para você é espaço de vida acessível. Verdadeiramente: O dinheiro improvisado para apreciar o sabor de moradias de alto grau. Atingir um ideal comum da humanidade para uma melhor qualidade de vida!

China terá o melhor design, melhores materiais verdes, o ambiente de vida mais confortável, levando habitação integrada do mundo dedicada ao povo brasileiro!

Selecione Hengli América: para sempre, beneficiar o mundo!

A visita do presidente Xi Jinping ao Brasil marcao quadragésimo aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre a China e o Brasil
Quarenta anos de relações diplomáticas entre a China e o Brasil, os dois países estão de mãos dadas para criar uma nova era de relações China-Brasil
Comemoração do quadragésimo aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas

A relação entre o Brasil e a China está como Confúcio diz : “Quarenta e perplexos” Este é um antigo filósofo chinês Confúcio relatando sobre a sua experiência de vida, espírito e trabalho, o processo de crescimento e decisões sobre a vida. O desenvolvimento das relações bilaterais entre os dois países se intensificou ao longo dos anos, há vinte anos atrás, os líderes políticos iniciaram uma troca frequente de visitas, a partir do ex-presidente da China Jiang Zemin, cabeças sucessivas de governo da China vai visitar o Brasil, o Politburo anterior Permanecendo quase ter visitado o Brasil, o presidente e vice-presidente do Brasil também organizou e liderou uma grande delegação para visitar a China, que estabeleceu uma base política sólida para o desenvolvimento das relações bilaterais entre os dois países na política, econômica, comercial desenvolvimento integral, ciência e tecnologia, cultura e outros campos tem feito progressos notáveis, comunicação, compreensão e confiança mútua entre os dois povos atingiu um novo patamar da história.
Em termos comerciais, as realizações dos dois países é particularmente proeminente: de R $ 17 milhões para estabelecer relações diplomáticas até 2013, quando a 90,2 bilhões dólares, um aumento de um total de cinco mil vezes, mas na última década, uma década de comércio rápida e Paquistão. Lembro-me de quando as relações do Paquistão, “trinta”, quando a visita do presidente Hu Jintao ao Paquistão Dica: comércio Paquistão a partir de 6600 milhões dólares na época, chegando a US $ 35 bilhões em 2010, enquanto em 2010 o comércio bilateral atingiu 70 bilhões dólar, cheio dobrou 0,2009 China ultrapassou os EUA como maior parceiro comercial do Brasil, o maior destino de exportação e maior fonte de importações, enquanto o Brasil é o nono maior parceiro comercial da China.
Legenda da foto: O presidente chinês, Hu Hu Zhongwei, presidente e foto presidente brasileiro Lula

Em termos de investimento, a 2009, as empresas chinesas investiram um total de 360 milhões dólares no Brasil, e é relativamente lento e, em 2010, o investimento da China no Brasil foi um surto de desenvolvimento, o que equivale a 12.600 milhões dólares por ano, a China se tornou a maior fonte de investimento do Brasil, enquanto o investimento do Brasil na China há quase uma década aumentou dez vezes. Com a visita do presidente Xi Jinping ao Brasil este ano, podemos ter a certeza de que esta tendência vai acelerar mais ainda.Em 1993, o Brasil estabeleceu uma parceria de cooperação estratégica com a China. Em 2012, para melhorar as relações bilaterais para uma parceria estratégica global. O Brasil é o primeiro país a reconhecer o estatuto de economia de mercado da China, o que elimina todas as barreiras artificiais ao desenvolvimento mais rápido do comércio bilateral e da cooperação económica. Bank of China e Bank of China para estabelecer filiais no Brasil, a implementação de um acordo de swap de moeda e moeda entre a China e o Brasil, dois países para estabelecimento de comércio a simplificação dos procedimentos, reduzindo custos e riscos cambiais. O Banco de Desenvolvimento do BRICs na preparação do desenvolvimento global do comércio sino-paquistanês mais fornecer uma garantia forte, a China tem um grande número de empresas visionárias, fortes radicado no Brasil, a abrir seus mercados para promover os dois se complementam um ao outro, vitória, poderosa jornada de esperança do Fusion. Peng Liyuan presidente Xi Jinping e sua esposa visitaram o Brasil, o Brasil tem uma compreensão real. Portanto, neste momento de re-visitar velhos amigos reunidos. O atual presidente do Brasil durante a visita de Lula foi acompanhado de ir, depois de muitas reuniões e contatos tomou posse em vários fóruns internacionais e presidente Xi Jinping. Temos boas razões para olhar para a frente a esta visita irá expandir as perspectivas para o Paquistão cooperação global, e alcançou muito proveitosa. Desenvolvimento integral das relações bilaterais entre os dois países, não só de grande importância para as trocas económicas e comerciais entre os dois países, (embora nesta relação, a relação entre China e Paquistão é um dos países do BRIC que mais cresce um conjunto de relações, mais ainda do que a Rússia relacionamento). Ao mesmo tempo, o desenvolvimento da América Latina, Yala, BRICS e da SCO, ASEAN, relações AsiaInfo e processos de integração latino-americanos têm uma importância estratégica muito importante, que é jogar uma promoção da cooperação Sul-Sul e modelo de papel, os dois grandes países da Ásia e da América Latina, China e Brasil são as áreas, têm desempenhado um papel dominante na Ásia e na América Latina, para reforçar as relações bilaterais e da radiação estímulo que ela traz, vai promover ainda mais as relações internacionais democratização e padrão mundial multipolar, que é lidar com ameaças e desafios globais e regionais, respeitando a igualdade soberana dos Estados, a respeitar o direito internacional e de prevenção de resolução pacífica de diferenças entre os países dos pilares fundamentais.
Legenda da Foto: 2011 de Hu Zhongwei, presidente e Brasil novo presidente Dilma conversa íntima
Legenda da Foto: 2012 Paquistão Câmara de Comércio para o Desenvolvimento Internacional folha ápice presidente de honra permanente, primeiro vice-presidente Kang Ye maravilhosa mulher presidente do Brasil Dilma foto
Paz e segurança no mundo, é uma garantia fundamental da igualdade de desenvolvimento de todos os países do mundo, estamos firmemente contrário de uma região ou de um país dividido pela guerra em outro país ou região para procurar o seu próprio poder e o desenvolvimento de uma tal guerra, é claro, a Segunda Guerra Mundial, o mesmo Assim, o desenvolvimento de cada país levou a um grande número de país pobre e atrasado do mundo, gerou uma série de dependência económica de deformidade. E agora ainda há um fraquinho por este modelo de desenvolvimento nacional bárbaro. A tendência de desenvolvimento do mundo, e tem alimentado uma tentativa forte para contrariar esta força maligna: Esta é a cooperação Sul-Sul, na grande maioria dos países em desenvolvimento, têm reconhecido que o desenvolvimento pacífico é para dar aos países uma oportunidade justa de desenvolvimento. 克萝塞维茨 disse: “A guerra não é tanto a força bruta da concorrência, uma vez que é emocional e acompanhar o sentimento era contra.” Em última análise, é um confronto entre civilizações. No entanto, acreditamos que as diferentes regiões da civilização, os seres humanos são a riqueza espiritual comum do mundo, que não havia civilização oriental, a civilização ocidental não agora. Uma variedade de diferentes civilizações é o respeito mútuo, a aprendizagem mútua e comunhão, a convivência, a SCO é o caso, o Brasil também está fazendo bem a este respeito, sobre as principais questões, os líderes religiosos estão prendendo cinco brasileiro uma posição para o público declaração dando a uma profunda impressão deixada, se uma civilização consideram-se à frente de outras civilizações que acho que eles têm uma campanha de assassinatos, para aproveitar o poder da vida e da morte, esta é precisamente uma das idéias mais incivilizados. China e Brasil são todas as palavras sem armas para saquear outras pessoas titulares de grande país, que também é mencionado no presidente Xi Jinping, o sangue da nossa história, com a paz do gene, enquanto outros não invadir e dominar o mundo dos genes. Este é um desenvolvimento conjunto entre a China e Paquistão podem, com base da fundação da ascensão pacífica. A razão por que enfatizar isso porque a cooperação do Paquistão, a cooperação forte contribuiu para a democratização e desenvolvimento de um mundo multi-polar. Nenhuma democracia entre as nações, para falar sobre a democracia nacional e os direitos humanos? Esta tendência de desenvolvimento, vai dar ao mundo agora trazer mudanças benéficas no padrão de desenvolvimento global equitativo desigual. E quer manter o país a obter o padrão existente de interesses e certamente será um rebote, irá fazer uso das vantagens de mãos para diminuir, bloquear ou prejudicar esse processo, que exige que todos os países em desenvolvimento a reforçar a confiança mútua, reforçar a comunicação, para formar plenamente preparação mental, não provocativo, desafiando o medo, e inabalavelmente fazer suas próprias coisas, respeitando o desenvolvimento pacífico de outros países, benefício mútuo e win-win cooperação e confiança mútua. Para uma nação invencível, e os países bons amigos, que o “tema quente uma hora” Global para voar muito.
Legenda da Foto: 2014Fabio Hu i, presidente e Brasil – os tigres asiáticos de Cooperação Parlamentar presidente do grupo, Conselheiro Federal Luiz Argola, representantes de países asiáticos foto
Câmara dos Deputados
Conselheiro Federal Luiz Argolo-PP / BA
Os documentos externos: 42/2013
Causada pela República Popular da China:
1. Como o Brasil – Presidente da cooperação grupo parlamentar Tigres Asiáticos, proporcionando assim um apoio para as atividades dos Amigos do Paquistão Câmara de Comércio para o Desenvolvimento Internacional a realizar, e os meus sinceros parabéns.
2. Porque a cooperação mutuamente benéfica e espírito de comércio internacional da amizade entre os povos, entre as nações, por isso criamos um grupo parlamentar que o Congresso brasileiro para promover o desenvolvimento do espírito de políticas integradas.
3. Eu acredito que o crescimento econômico no Brasil e na China são infinitas, a Câmara de Comércio será uma irmandade entre o Brasil eo Oriente para explorar o fortalecimento potencial e favorável de ponte de link de tradicional e moderno. Harmoniosa e inovadora.
4. Estou feliz de explicar e esclarecer todas as dúvidas, deixando os meus melhores votos para um amigo, e eu mais uma vez reconhecer a importante relação entre o nosso grupo parlamentar e da Câmara de Comércio.
Brasil – O presidente do Grupo Parlamentar tigres asiáticos Cooperação: Luiz Argolo Conselheiro Federal
A confiança é uma chave de cooperação internacional e desenvolvimento pode ser realizado sem problemas, e as relações Paquistão atravessou quatro anos de desenvolvimento, entrou em um estado de “quarenta e perplexos”, isto é, não por causa de um incidente isolado entre os dois países ou provocar outros países afetados pela confiança mútua entre os dois países. Recentemente, há uma instância pode ilustrar plenamente este ponto, não muito tempo atrás, a China era um satélite brasileiro lançar um acidente, por isso, as coisas tendem a dar às pessoas com segundas intenções para deixar um monte de espaço para a especulação. Mas o governo brasileiro pela primeira declaração tempo: acho que a exploração espacial é um campos emergentes de alta tecnologia, que é cheio de incertezas, é normal que alguns contratempos, o governo brasileiro acredita plenamente que as capacidades de lançamento espacial da China, esse evento não influência paquistanesa em ciência aeroespacial e cooperação tecnológica e de confiança mútua. Com isto como uma base de confiança mútua, podemos estar confiantes de que a cooperação paquistanesa durante esta visita ao presidente do Paquistão Xi Jinping, entrou em uma nova fase de desenvolvimento é esperado para otimista. O desenvolvimento da China ainda é uma grande força na economia mundial. Nos próximos cinco anos, a China vai ser compra anual do mundo 2000000 milhões dólares de bens, o investimento externo de US $ 100 bilhões, os países que dão têm enormes oportunidades, e esperamos elite empresarial do Paquistão pode aproveitar essa a oportunidade de desenvolver seus próprios no rápido desenvolvimento das relações China-Paquistão em. Os membros fora meus aposentos e Brasil para participar de meu hospital aliados bipartidário do Congresso continuará a desempenhar a sua vantagem local, desempenham um papel forte como uma plataforma de comunicação: para ajudar a visitas de negócios paquistaneses, intercâmbio e cooperação; ajudar as empresas chinesas a entrar no Brasil boas relações com os governos locais, reforçar a comunicação e os intercâmbios entre eles e do Congresso; câmaras binacionais de comércio, associações comerciais, amizade sino-paquistanês com as duas províncias de think tanks, instituições acadêmicas realizadas várias áreas temáticas do fórum. Em comunicação empresarial Brasil, desempenhar um papel de um consultor, consultoria, serviços e fulcro, para promover todo-redonda desenvolvimento das relações bilaterais tudo o que fazemos todo o trabalho. Desejamos também próxima visita do presidente Xi Jinping ao Paquistão um sucesso completo. E estamos ansiosos para o desenvolvimento integral das relações China-Paquistão, em uma nova era de atenção do mundo. Finalmente, permitam-me citar um poema de Chairman Mao Zedong e do presidente Xi Jinping que nó para este artigo:
Esperemos que o “calor global com este cool”
Deixe-o “Muyu direção creme, nenhum herói mudança emocional”
Presidente do Paquistão Câmara de Comércio para o Desenvolvimento Internacional: FabioHu

Fabio Hu : Chineses aguardam anciosamente a chegada do presidente da China Xi Jinping no Brasil

De acordo com a China Press correspondente Joe Lei 11 de julho Brasília informou o presidente chinês, Xi Jinping vai participar da sexta reunião dos líderes do BRICS formalmente realizadas no Brasil eainda vai visitar quatro países latino-americanos, como Brasil, China brasileiro completa da visita de Xi Jinping expectativas, o Brasil oficial chinesa no exterior, disse, por ocasião do quadragésimo aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre a China e o Brasil, a visita do presidente Xi Jinping para o Brasil é um grande evento para os dois países.

Presidente da Câmara de Comércio de Desenvolvimento Internacional Brasil-China, em uma entrevista com a China Imprensa correspondente Hu Zhongwei, diz que a atual presidente do Brasil Dilma Rousseff , na posse de Lula iria acompanhar a visita do ex-presidente tinha, de posse do presidente, ela Rosoff em muitas ocasiões internacionais e teve conversas com o presidente Xi Jinping, e muitas vezes no Brasil e convidou pessoalmente a visita do presidente Xi Jinping para o Brasil, mostrando a importância das relações China-Brasil, e no Brasil será o mais alto padrão de hospitalidade chefe de Estado Chinês . A primeira dama da China, Peng Liyuan já tinha visitou o Brasil anteriormente, agora, se a visita de Xi Jinping ao Brasil, acompanhado por Peng Liyuan só posso dizer que o mais sensacional, porque somos fãs deles.

Hu Zhongwei disse que desde o início do ex-presidente da China Jiang Zemin, os líderes chineses atribuem grande importância ao desenvolvimento das relações bilaterais, mas também já visitou o Brasil. Presidente e Vice-Presidente do Brasil também organizou e liderou uma grande delegação para visitar a China, que estabeleceu uma base política sólida para o desenvolvimento das relações bilaterais entre os dois países na política, econômica, comércio, ciência e tecnologia, cultura e outros abrangente desenvolvimento tem feito progressos notáveis, comunicação, compreensão e confiança mútua entre os dois povos atingiu um novo ponto alto da história.

Falando Hu Zhongwei, Xi Jinping e sua esposa Peng Liyuan, anteriormente, visitou o Brasil, o Brasil tem uma compreensão real. Portanto, neste momento de re-visitar velhos amigos reunidos. Tanto brasileiros quanto chineses estão ansiosos para expandir as cooperações entre os dois países. Desenvolvimento integral das relações entre o Brasil e a China não só é de grande importância para as trocas económicas e comerciais entre os dois países, durante o desenvolvimento de Asia-Latino, BRICs e da SCO, ASEAN, relações AsiaInfo e processos de integração latino-americana tem uma importância estratégica muito importante, e também pode desempenhar um papel de liderança na promoção da cooperação Sul-Sul.

Entrando no Palácio do Planalto

O presidente chinês, Xi Jinping vai terminar no Brasil para participar na sexta reunião formal de líderes do BRICs estado visita ao Brasil, depois do chinês Imprensa correspondente chegou em Brasília, Brasil, veio pela primeira vez ao palácio presidencial para entender a visita de cada Xi Jinping ao Brasil actividades prazo.

Palácio presidencial do Brasil é a mudança da capital desde o espaço de escritório 1960 presidentes brasileiros, ao invés de “apartamento” do presidente, a residência presidencial em outro local. Palácio presidencial do Brasil foi projetado pelo famoso arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer, estilo arquitetônico conciso e animado, semelhante à forma da vela na frente da coluna. Brasil está bem na frente do palácio presidencial do Capitólio, edifícios do Capitólio perto do edifício mais alto, pode significar que os direitos das pessoas são fundamentais. Presidential diagonalmente em frente ao Supremo Tribunal Federal, o estabelecimento desse padrão destaca o sistema brasileiro político da separação de poderes, e da praça em frente ao Palácio Presidencial, também conhecido como os Praça dos Três Poderes.

Repórteres através da segurança para entrar no piso térreo, primeiro piso principal lobby e área de lounge. No segundo andar, com os meios de comunicação internacionais e relações públicas do departamento do Palácio Presidencial fez contato, e, em seguida, visitou o segundo andar da área de escritórios e instalações principais. Departamentos diretamente sob o lado esquerdo do segundo andar para a área de escritório presidencial, à direita foi a área de mídia. Media presidenciais brasileiras facilidade sala de imprensa é relativamente simples, mas é bem conhecida nos Estados Unidos do que na sala de imprensa da Casa Branca, lote grande, ao contrário sala de imprensa da Casa Branca.

Palácio presidencial do Brasil para receber os hóspedes também diferente, não a entrada principal no primeiro andar, mas no segundo andar, é claro, apenas VIPs pode ir este canal. O segundo andar do palácio presidencial, o presidente brasileiro também costumam receber chefes de Estado estrangeiros realiza cerimônia de boas-vindas. Desça um lance de escadas do segundo andar em qualquer lugar, você pode entrar no gabinete do presidente e sua equipe um lugar.

Entrando no palácio presidencial, dá a impressão de que não há nenhum mistério aqui, cercada por muros altos bloqueou a Presidential nem visão, nem guardas impedir as pessoas de entrar na área do palácio presidencial. As pessoas podem explorar livremente o espaço aberto em frente ao palácio presidencial, ou fotografias. E para o palácio presidencial no domingo será aberto ao público, as pessoas podem sempre ver o terceiro andar do primeiro andar, e até mesmo o gabinete do presidente pode satisfazer as “cores verdadeiras.”

Sobre o Autor

CCDIBC administrator

Deixe uma resposta